Em agenda institucional no Paraná, presidente do STJ destaca papel da magistratura no fortalecimento da cidadania

?O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro Humberto Martins, cumpriu extensa agenda institucional em Curitiba, nesta terça-feira (12), enfatizando o papel da magistratura no fortalecimento da cidadania.

Em palestra no Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR), Martins lembrou que um poder Judiciário autônomo, eficiente e com magistrados valorizados é uma condição indispensável para uma democracia plena. ?????????

Ministro Humberto Martins destacou a confiança do brasileiro no Judiciário, evidenciada pelo número de processos que chegam todos os dias.?

"O Brasil é exemplo para o mundo na magistratura. Temos juízes corajosos que não se rendem à pressão e ao medo. Temos coragem para distribuir Justiça diariamente", ressaltou o ministro ao destacar o papel dos julgadores no país.

Desde o início da manhã, o presidente do STJ cumpriu agenda de compromissos no Ministério Público do Paraná (MPPR); na Seção Judiciária da Justiça Federal no Paraná; no TJPR; na sede do Executivo estadual, onde foi recebido pelo governador Ratinho Júnior; e na Assembleia Legislativa do Paraná, onde se encontrou com o presidente da Casa, deputado Ademar Traiano.?????????

Juiz federal Rodrigo Kravetz, desembargador Luiz Fernando Tomasi Keppen e à direita do ministro a juíza federal Gisele Lemke e o juiz federal Luiz Antonio Bonat.? | Foto: Assessoria JF Paraná.

Em todos os compromissos, o ministro foi acompanhado pelo desembargador Luiz Fernando Tomasi Keppen, ex-conselheiro do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Ao falar sobre o papel dos juízes no país, durante a visita ao presidente do TJPR, desembargador José Laurindo de Souza Netto, o ministro Humberto Martins lembrou que o Judiciário deve ser um instrumento de distribuição de Justiça e de promoção da cidadania.

Ele afirmou que o povo brasileiro confia no Judiciário, algo que pode ser comprovado ao se constatar o número de processos que chegam aos tribunais todos os dias. "Só no STJ são mais de 500 mil decisões por ano. A sociedade nos procura e a entrega da Justiça de forma célere é exemplo do exercício da cidadania", completou.

Justiça em tempo adequado e razoável

Quanto ao tema celeridade na Justiça, o presidente do STJ comentou sobre a tramitação da PEC da Relevância somada ao respeito aos precedentes qualificados, como dois exemplos de esforços para construir uma Justiça mais rápida e de melhor qualidade.

Humberto Martins destacou que os juízes devem ter valores cristãos para exercer com sucesso a magistratura. "É preciso fé, amor e esperança. O papel do juiz é, diariamente, resolver conflitos e restaurar a pacificação entre as pessoas".

Ainda durante as agendas com o Executivo e o Legislativo paranaense, Martins destacou que a retomada da atividade econômica, em um momento pós-pandemia, exigirá o esforço de todos na sociedade, incluindo sinergia entre os três poderes e o Ministério Público.

No MPPR, Humberto Martins foi recebido pelo procurador-geral de Justiça do Paraná, Gilberto Giacoia. Na Justiça Federal, o ex-diretor do foro de Curitiba, o juiz Rodrigo Kravetz, acompanhou a visita institucional do presidente do STJ à sede da Justiça Federal no estado.?????????

Presidente do STJ foi recebido no MP paranaense pelo procurador-geral de Justiça, Gilberto Giacoia.? | Foto: Ascom MPPR

Fonte: http://www.stj.jus.br/sites/portalp/Paginas/Comunicacao/Noticias/12072022-Em-agenda-institucional-no-Parana–presidente-do-STJ-destaca-papel-da-magistratura-no-fortalecimento-da-cidadania.aspx

Sobre o Autor

Sandro Rizzato

Sócio Fundador do escritório Pagotto, Rizzato & Lyra Sociedade de Advogados

Isso vai fechar em 0 segundos

Enviar Mensagem
Contato
Bem-vindo ao WhatsApp do escritório Pagotto, Rizzato e Lyra Sociedade de Advogados!

Por favor, aguarde um momento enquanto redirecionamos sua mensagem para um de nossos advogados especializados.

Se preferir, também pode nos contatar pelo telefone (27) 3235-8268.