Caminhada pelo fim da violência contra mulheres e meninas reúne mais de 500 pessoas em Brasília

Na manhã deste domingo (4), mais de 500 pessoas se reuniram no estacionamento 13 do Parque da Cidade Sarah Kubitschek, em Brasília, para a quinta edição da Caminhada pelo Fim da Violência contra Mulheres e Meninas. O ato faz parte de uma série de ações conjuntas desenvolvidas pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e pelo Grupo Mulheres do Brasil para reforçar a conscientização e a mobilização da sociedade contra as formas de violência que atingem a mulher.?????????

A mobilização faz parte da campanha internacional da ONU pelo fim da violência de gênero.?

A concentração teve início às 9h, nas proximidades da administração do Parque da Cidade. Aos participantes foram distribuídas camisetas na cor laranja, que simboliza a urgente necessidade de prevenir e eliminar a violência contra mulheres e meninas.

Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), aproximadamente 70% das mulheres sofrem, ao longo da vida, algum tipo de violência de gênero – considerada uma pandemia pela organização. No ranking mundial de violência contra a mulher, o Brasil se encontra em quinto lugar.

Movimento integra campanha internacional da ONU

A caminhada, que foi realizada em mais de 50 cidades do país e também no exterior, faz parte da mobilização 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres (adaptada no Brasil para 21 dias), uma campanha internacional da ONU. A campanha está em sintonia com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) previstos na Agenda 2030 das Nações Unidas.

No Brasil, ao longo dos 21 dias, foram programadas pelo CNJ ações para denunciar e prevenir todos os tipos de violência contra as mulheres: violência institucional, sexual, psicológica, doméstica, econômica, política e obstétrica, além de ofensas e exposição na mídia, tráfico de pessoas, feminicídios, perseguições (stalking) e discriminação representativa nas cúpulas de poder ou liderança.

Leia também: Cúpula Judicial Ibero-Americana faz campanha pelo fim da violência contra as mulheres

Fonte: http://www.stj.jus.br/sites/portalp/Paginas/Comunicacao/Noticias/2022/05122022-Caminhada-pelo-fim-da-violencia-contra-mulheres-e-meninas-reune-mais-de-500-pessoas-em-Brasilia.aspx

Sobre o Autor

Sandro Rizzato

Sócio Fundador do escritório Pagotto, Rizzato & Lyra Sociedade de Advogados