STJ recebe primeira remessa de processos físicos do TRF6 para digitalização

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) recebeu, na manhã desta quarta-feira (21), a primeira remessa de processos físicos enviados pelo Tribunal Regional Federal da 6ª Região (TRF6) para digitalização. Esse trabalho é fruto de um acordo de cooperação firmado entre as cortes com o objetivo de tornar o trâmite processual no TRF6 mais rápido e totalmente integrado ao sistema judicial eletrônico.?????????

Processos vindos da Justiça Federal de Minas Gerais são descarregados na sede do STJ, onde serão digitalizados.
?

Foram recebidos 6.814 processos no primeiro lote, dos mais de 23 mil remanescentes nas seções judiciárias da Justiça Federal de Minas Gerais. Segundo projeção da Secretaria Judiciária – setor responsável por esse serviço –, o STJ tem capacidade para digitalizar aproximadamente 1.900 processos por mês. A expectativa é que a demanda total do TRF6 seja atendida em 12 meses.

Compromisso com acessibilidade e inclusão

A virtualização dos processos do tribunal regional será realizada por trabalhadores surdos especializados nessa tarefa, que integram o quadro de colaboradores da corte superior desde 2009. A equipe foi responsável pela consolidação do STJ como primeiro tribunal digital do país.

O secretário judiciário do STJ, Augusto Gentil, que acompanhou a chegada do primeiro lote de processos do TRF6, celebrou a colaboração entre as instituições. De acordo com o gestor, a experiência acumulada pelos colaboradores surdos converteu o STJ em referência na digitalização de processos judiciais, permitindo que seja oferecido apoio técnico a outros tribunais.

"Com essa iniciativa, o STJ sinaliza a sua responsabilidade em relação ao processo de transformação digital do Poder Judiciário", afirmou o secretário.

Reconhecimento e oportunidade de aprendizado

Para Simone Pinheiro Machado, coordenadora de Acessibilidade e Inclusão do tribunal, a parceria com o TRF6 reflete o reconhecimento do trabalho realizado pelos colaboradores surdos e representa uma nova oportunidade de aprendizado para o grupo, além de "gerar um movimento positivo entre as instituições públicas para que colaborem entre si".

O acordo de cooperação foi celebrado em dezembro de 2023, em cerimônia que contou com a participação da presidente do STJ, ministra Maria Thereza de Assis Moura; da presidente da Comissão de Acessibilidade e Inclusão, ministra Nancy Andrighi, e da presidente do TRF6, desembargadora Mônica Sifuentes.

Fonte: https://www.stj.jus.br/sites/portalp/Paginas/Comunicacao/Noticias/2024/21022024-STJ-recebe-primeira-remessa-de-processos-fisicos-do-TRF6-para-digitalizacao.aspx

Sobre o Autor

Sandro Rizzato

Sócio Fundador do escritório Pagotto, Rizzato & Lyra Sociedade de Advogados

Enviar Mensagem
Contato
Bem-vindo ao WhatsApp do escritório Pagotto, Rizzato e Lyra Sociedade de Advogados!

Por favor, aguarde um momento enquanto redirecionamos sua mensagem para um de nossos advogados especializados.

Se preferir, também pode nos contatar pelo telefone (27) 3235-8268.